00:27 - 22 de Outubro de 2018

Notícias

Acendimento da Chama Folclórica marca abertura do 46º Festival Internacional de Folclore
16-07-2018
Acendimento da Chama Folclórica marca abertura do 46º Festival Internacional de Folclore
O 46º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis teve início na noite desta sexta-feira, 13 de julho. A comunidade da Linha Araripe foi anfitriã da cerimônia oficial de Acendimento da Chama Folclórica e abertura do maior evento cultural da Serra Gaúcha. Na oportunidade, grupos folclóricos da Nova Zelândia, da Argentina e de Goiás deram uma mostra da riqueza e da diversidade que estarão presentes no palco do evento até o dia 29 de julho.

O Edelweiss Tanzgruppe, grupo folclórico de Linha Araripe, contando sua história, acendeu a chama da diversidade, da cultura e do folclore, pelas mãos da precursora Cátia Zinke, e seus filhos Douglas e Laura. O Edelweiss Tanzgruppe também foi homenageado pelos dez anos de fundação. A Chama Folclórica iluminará a 46ª edição do Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis até 29 de julho, invadindo corações, tornando todos propagadores do folclore, da arte e da paz, unindo povos, crenças e culturas, demonstrando que “A Diversidade é o que Nos Une”.

A cerimônia de Acendimento da Chama Folclórica e Abertura Oficial do 46º Festival Internacional de Folclore contou com o prestígio do prefeito de Nova Petrópolis, Regis Luiz Hahn e sua esposa Marion Spier Hahn; vice-prefeito Municipal, Charles Paetzinger e sua esposa Sandra Fernandes; secretário de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Victor Hugo Alves da Silva, representando o governador do Estado, José Ivo Sartori; deputado Estadual, Elton Weber, representando o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, Marlon Santos; presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Oraci de Freitas; presidente da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs de Nova Petrópolis, Lediane Werner; do secretário Municipal de Educação, Cultura e Desporto, Ricardo Lawrenz, e do adjunto da pasta e coordenador geral do evento, Paulo Cesar Soares.

As Soberanas do Folclore Alemão, Rainha Morgana Neumann, 1ª Princesa Stéfani Wiltgen Gregórius e 2ª Princesa Eduarda Weschenfelder deram as boas-vindas ao público e autoridades presentes. As Pequenas Cantoras também abrilhantaram a cerimônia oficial de Abertura do 46ª Festival Internacional de Folclore, emocionando público e autoridades.

“Nova Petrópolis é a cidade do folclore, referência obrigatória. Ensina o Rio Grande do Sul e o Brasil o respeito e a tolerância. O mundo precisa aprender com a convivência que o folclore oportuniza”, disse o secretário de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Victor Hugo Alves da Silva, ao parabenizar o Município por conjugar cultura e turismo. “Aqui vemos que estão todos juntos pelo folclore”, finalizou ao desejar sucesso ao evento.

O prefeito Regis Luiz Hahn enalteceu o trabalho conjunto que é realizado em prol do Festival Internacional de Folclore, externou seu reconhecimento ao incansável e gracioso trabalho realizado pelas Soberanas do Folclore Alemão. “É uma linda história feita por muitas mãos. Desejo que todos sejamos felizes com a nossa cultura e tradição”, disse o prefeito de Nova Petrópolis.

O coordenador geral do Festival Internacional de Folclore, secretário adjunto de Educação, Cultura e Desporto, Paulo Cesar Soares, destacou a temática da 46ª edição, “A Diversidade nos Guia”. “Este ano vamos contar uma história um pouco diferente, falaremos da travessia dos imigrantes, contaremos como foi esta odisseia, e como a diversidade nos guia até hoje”, resumiu ao enaltecer a honra de estar à frente do maior evento cultural da Serra Gaúcha.

Ao final da cerimônia oficial de Abertura do 46º Festival Internacional de Folclore, o público prestigiou uma prévia das apresentações do grupo Caipirada Capim Canela, de Goiás; do Ballet Folklorico Libanes "Firqat Al Arz", da Argentina e Te Roopu Manutaki Culture Group, da Nova Zelândia. Os aplausos foram calorosos.

Em 2018, 46 grupos folclóricos confirmaram presença no Festival Internacional de Folclore, que conta com oito grupos folclóricos internacionais, sete nacionais, oito regionais e 23 grupos locais confirmados. Todos irão se apresentar na Rua Coberta, localizada na Praça das Flores, um dos atrativos mais encantadores da Serra Gaúcha. Os visitantes do evento terão a oportunidade de prestigiar, gratuitamente, as culturas de sete países: Nova Zelândia, Áustria, Colômbia, Chile, Paraguai, Argentina e Uruguai; além dos Estados brasileiros do Pará, Paraíba, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais e Goiás.

Além das apresentações de danças folclóricas, que enfeitarão o palco do evento com cores, ritmos, danças e cultura; o 46º Festival Internacional de Folclore contará ainda com Desfiles de Integração; o Baile Infantil; os tradicionais Jogos Germânicos, tais como, bolão de corda, debulhar o milho, chopp em metro, rachar lenha e arremesso de chopp; as Noites Culturais, que levam a diversidade do festival às mais distantes localidades do Município; as Celebrações da Vida, da Paz e da Diversidade; o espetáculo “A Travessia: Memórias de uma Odisseia”; entre outras atrações.

Durante os 17 dias do Festival Internacional de Folclore ocorre, também, a tradicional Feira de Artesanato, junto à Praça das Flores, apresentando 28 estandes com produtos vindos das mais diversas nacionalidades. A Feira de Artesanato ocorre diariamente, das 9h às 21h. A gastronomia também estará presente com uma Praça de Alimentação integrada ao evento, permitindo aproveitar os espetáculos simultaneamente.

Nova Petrópolis se mostra toda sua força cultural, em harmonia com culturas do mundo todo, em um grande evento de integração. Com o tema “A diversidade é o que nos une”, a cidade Jardim da Serra Gaúcha e Capital Nacional do Cooperativismo está pronta para receber mais de 1.500 dançarinos, músicos, artesãos e apreciadores das culturas de todos os povos em 17 dias de intensa programação. A comissão organizadora espera receber mais de 130 mil pessoas ao longo do evento.

Em 2018, paralelamente ao Festival Internacional de Folclore, Nova Petrópolis sediará a I Assembleia Nacional IOV - Organização Internacional de Folclore e Artes Populares. O evento ocorre de 26 a 28 de julho, nas dependências do Hotel Petrópolis, sob a coordenação do presidente da IOV Brasil, Antônio Clerton Vieira da Silva. O presidente da IOV Mundial, Fabrizio Cattaneo, da Itália, também estará presente neste evento. Dentre os painelistas, estão confirmados o antropólogo e psicanalista, professor Eduardo Benzatti; professora Mestre, Marlei Sigrist e professor Doutor, Thiago Amorim. A atividade é aberta ao público e as inscrições devem ser feitas pelo whatsapp (11) 9-8539-2315.

O 46º Festival Internacional de Folclore ocorre de 13 a 29 de julho de 2018, em Nova Petrópolis. O evento é uma realização da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs (AGDFA-NP) e Prefeitura de Nova Petrópolis. O Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis integra o calendário anual da IOV – Organização Internacional de Folclore e Artes Populares.

O evento tem o financiamento do Pró-Cultura RS – Lei de Incentivo à Cultura, Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Governo do Estado do Rio Grande do Sul e Ministério da Cultura. Patrocínio de Dakota, Piá, Ave Serra, Sicredi, Coopershoes, Banrisul, Suibom e Companhia Riograndense de Saneamento – Corsan. Apoio da Associação Rota Romântica, Banco do Brasil, PD Eventos, Edelbrau e Vértice - Licenciamento e Gestão Ambiental.

Mais informações: facebook.com/FestivalInternacionaldeFolclore; www.festivaldefolclore.com.br. Compartilhe momentos de diversidade utilizando #FIFNP2018



CRÉDITOS DAS FOTOS: Margarida Neumann

Prefeitura Municipal de Nova Petrópolis
Rua 7 de Setembro, 330 - 2º Piso
CEP Geral 95150-000
Telefone Geral
(54) 3281.8400
comunicacao@novapetropolis.rs.gov.br
Redes Sociais:
2012 - Nova Petrópolis - Jardim da Serra Gaúcha
Criação e Desenvolvimento: